O que é RPG ?

RPG é uma sigla para Role-Playing Game  que pode ser traduzido como jogo de Interpretação de Personagens seria uma mistura de  jogo, teatro e a antiga pratica de narrar histórias. O primeiro RPG foi Dungeon and Dragon criado ainda em 1974 por Dave Arneson e Gary Gygax . OBS: não confunda RPG de mesa com jogos de  Computador: no RPG de mesa a informação é transmitida pela melhor tela que existe: a sua mente! Jogar RPG é bastante simples, um grupo de amigos se junta para uma campanha. Um deles será o Mestre responsável por criar a aventura vivida pelos personagens, arbitrar as regras, interpretar os coadjuvantes– também chamados de NPC ( Non-Player Character) – e narrar tudo que esta acontecendo no mundo de jogo. Os demais jogadores constroem  seus personagens e vivem as aventuras narradas pelo Mestre, interagindo com sua narração!

Exemplo: Luiz será o Mestre de uma aventura de RPG no cenário piratesco de Thordezilhas; ele escreveu a história criou alguns mapas e preparou algumas surpresas. Sua amiga Evelin decidiu jogar com uma elfa maga enquanto Gabriel  será um mosqueteiro humano. Mestre:  você estão diante de   um  castelo gótico ( o Mestre apresenta a foto de um castelo medieval que baixou  da internet), o céu esta nublado e os cavalos parecem exaustos pela viagem. A se aproximar da estranha fortaleza vocês notam a figura imponente  de um velho parecido com Sean Connery que com olhar firme indaga: – “Quem são vocês?”

Gabriel : vou respondê-lo: – Somos peregrinos, meu senhor! Almejamos abrigo por uma noite…

Evelin: olha, eu vou preparar algumas magias caso algum problema aconteça.

Mestre:  o homem não parece satisfeito com suas palavras, faz um sinal e logo cinco homens armados se aproximam dele. O que vocês vão fazer?

QUEM VENCE ?

Ninguém! O RPG não é um jogo competitivo, na verdade sua meta é a cooperação! O Mestre cria algumas dificuldades e mistérios em sua aventura, mas o objetivo NÃO é vencer os jogadores, mas narrar uma boa aventura! Quando todos se divertem, todos ganham!

CENÁRIOS

Cada cenário é o universo onde a aventura acontece! Por exemplo, as aventuras de Neo acontecem no cenário de Matrix onde as máquinas estariam escravizando a raça humana. O homem aranha, por sua vez, faz parte do cenário da Marvel onde super heróis existem. O cenário terá história, clima, lugares, pessoas e mesmo regras da física criadas especificamente para ele. Assim, por exemplo, no cenário de Harry Potter a magia é real enquanto que no cenário de Exterminador do Futuro as viagens no tempo e os andróides são uma possibilidade. Existem vários cenários de RPG no mercado: Terra Devastada , um cenário de zombie onde os mortos tem fome; Tormenta, um cenário de fantasia medieval inspirado em Animes além de  Thordezilhas, Sabres & Caravelas; onde piratas, mosqueteiros,  magia e seres místicos são comuns. Você pode escolher um cenário e jogar infinitas aventuras nele até enjoar e escolher um novo cenário! No RPG as opções são infinitas!!

DADOS

Toda vez que seu personagem for promover uma ação com risco de falha o Mestre poderá exigir um teste efetuado geralmente utilizando um ou vários dados! Nem todo RPG utiliza o mesmo tipo de dado, alguns preferem o dado comum de 6 Lados , chamado carinhosamente de d6; outros gostam do dado de 20 lados (d20) ou de 10 (D10), de 8 (d8), 4 ( d4), 12 (12), entre outros; existem aqueles que nem mesmo utilizam dados como o brilhante Castelo   Falkenstein que utiliza cartas de baralho nos seus testes. REGRAS  As regras existem para facilitar a narração da aventura conduzir maior organização as atitudes dos jogadores, existem diversos sistemas de regras de RPGs, vejamos alguns:

Dungeons and Dragons: o primeiro e mais famoso RPG do mundo trata sobre fantasia medieval contando com diversos cenários.  Esta em sua quarta edição e utiliza vários dados especialmente o D20; pode ser encontrado em livrarias especializadas.

GURPS: ou Generic Universal Role Playing System (Sistema Genérico e Universal para Jogos de Interpretação) é um RPG genérico que utiliza apenas o D6 e pode ser aplicado para jogar em qualquer cenário. Seus dois  livros básicos foram traduzidos pela Devir e podem ser encontrados em lojas especializadas.  

Mundo das Trevas: um sistema de RPG para jogos de horror pessoal onde você interpreta magos poderosos, vampiros, lobisomens ou mesmo investigadores do paranormal. Utiliza apenas o D10 sendo encontrado em lojas especializadas.

Era do Caos: um saudoso RPG cujo cenário simula o Brasil num futuro próximo com magia e criaturas místicas inspirados em nossa cultura.

Daemon: um sistema de RPG para cenário de terror criado por Marcelo Del Debbio, utiliza vários tipos de dados  principalmente o D10. Você pode encontrar mais sobre este RPG aqui 

Desafio dos Bandeirantes: o primeiro RPG com temática completamente brasileira, a inspiração deste cenário de fantasia é o Brasil no período colonial.

OldDragon: este sistema surgiu da insatisfação dos jogadores veteranos em relação as atuais edições do D&D; trata-se de um RPG para aventuras medievais que se orgulha de ser Oldschool. Veja mais sobre o Oldragon aqui

Tagmar: este RPG medieval é notório por ser o primeiro 100% brasileiro lançado ainda em 1991; seu imenso prestigio terminou por ressuscitá-lo dando origem ao projeto Tagmar2, disponível gratuitamente na internet aqui .

Milênia: o primeiro RPG de Ficção Cientifica Espacial feito por brasileiros!

3D&T: o RPG Defensores de Tóquio Terceira Edição foi criado por Marcelo Cassaro sendo um RPG bastantes simples projetado para jogares iniciantes que gostam de Animes.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: