Bestiario de Thordezilhas – Os Baleianos para Old Dragon

Os mares fantásticos de THORDEZILHAS são infestados de monstros estranhos , seres bizarros e também anjos: os Baleianos. Seres extremamente poderosos e pacíficos que que  não atacam até serem confrontados. Pena que os piratas estão sempre a sua caça .

 

                                                               BALEIANO 

Grande Neutro Oceano e Praias.
Encontros: 1d4 ou 1d8+1 quando buscam vingança.
Prêmio: 60% 1d6 IM
XP: 7.130
Movimento: 9 metros / 18 Metros Nadando
Moral: 8 e 10 em vingança.

Força 20
Destreza 18
Constituição 21
Inteligência 18
Sabedoria 15
Carisma 16

CA 20
JP 05
DV 24 (240/312)

ATAQUE
1 Mordida +5 (2d4+7) Apenas os Odontoceti.
2 Pancada +6 (2d4+5)

Baleação é uma das mais lucrativas atividades marítimas do mundo. Isso porque o óleo de baleia é utilizado para ascender a lamparina dos navios e casas de Alexandria ao Novo Mundo.
Tal pescaria é muito temerária, não bastasse a dificuldade em enfrentar estas criaturas, existe ainda o risco de encontrar seus imensos protetores, os baleanos.

HABILIDADES ESPECIAIS
Apneia: na região acima da nuca encontramos um espiráculo que a criatura utiliza para expelir o jato de água e assim manter-se submerso por até 1d4 x 30 minutos.

Imune ao Sono: o baleano não precisa dormir. Na maior parte do tempo, mantém um dos hemisférios do cérebro dormindo enquanto o outro está ativo.

Ecolocalização: a criatura possui um tipo de sonar que permite localizar a presença de pessoas ou navios na água a uma distância de 1d6 quilômetros.

ECOLOGIA: baleanos se organizam em pequenas unidades familiares compostas por um macho, uma fêmea e seus filhotes. São fieis além da morte, permanecendo viúvos após o falecimento de seu conjugue.
Por isso, o único motivo que levaria um adulto a lutar ao lado de outro é a vingança. O assassinato de um baleano faz com que 1d8+1 adultos da espécie vasculhem furiosamente os Sete Mares em busca do sangue do malfeitor.
Relacionamentos: sereianos consideram que os baleanos são anjos de Salácia – a deusa dos oceanos – profundos conhecedores dos mistérios azuis, capazes de alterar a maré, cultivar as ostras e pastorear as criaturas do mar. Os tybrons temem a vendeta dos baleanos, entendendo que atacá-los é suicídio.
Etnias: sua fisiologia os divide em dois grupos. Os violentos Odontoceti, donos de dieta carnívora que atacam qualquer navio com carne suficiente para saciar sua fome, e os pacíficos Mysticeti, que possuem cerdas de queratina ao invés de dentes e se alimentam de plâncton. Os ataques do Mysticeti acontecem apenas motivados por vingança, proteção ou para afundar baleeiros. Até onde sabemos não existem rivalidades entre os dois grupos baleanos.

SINERGIA: baleias, baleia vulcânica, tyburons, uçás e sereianos.
UTILIDADE: o óleo extraído da sua banha é o melhor combustível do mundo civilizado e sua gordura é utilizada como argamassa –  embora seja inferior ao caementu produzido pelos anões de Évoran.

Escrito por Luiz Claudio Gonçalves

Arte de Maurilio Zucatelli Junior

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: